Relacionamentos Verdadeiro Amor

Os 5 Sinais de que seu Relacionamento Está em um Beco sem Saída!

Os 5 Sinais de que seu Relacionamento Está em um Beco sem Saída. Além disso, a maioria dos relacionamentos começa com uma energia promissora e dinâmica. Com o tempo, no entanto, isso pode desaparecer. Muitos casais se sentem presos, incapazes de seguir em frente e não querem voltar. É nesses momentos que devemos admitir que chegamos a um beco sem saída.

Os 5 Sinais de seu Relacionamento Está em um Beco sem Saída

Os 5 Sinais de seu Relacionamento Está em um Beco sem Saída

Podemos escolher seguir em frente com coragem. Podemos escolher abandonar nosso relacionamento com dignidade e força. Nós simplesmente não podemos ficar presos onde estamos. A seguir, veja: Os 5 Sinais de que seu Relacionamento Está em um Beco sem Saída.

Os 5 Sinais de que seu Relacionamento Está em um Beco sem Saída:

#1. Você se Sente Solitário:

A solidão pode ser confusa no contexto de um relacionamento ativo. Muitas pessoas permanecerão em um mau relacionamento simplesmente porque se sentem sozinhas. Eles temem que romper com o parceiro faça com que se sintam ainda mais sozinhos. Felizmente, não é assim que a solidão funciona. A solidão vem da falta de conexão com outra pessoa, não da falta de sua presença.

Quando seu parceiro é desconectado, pode causar um tipo confuso de solidão que pode ser facilmente confundido com o amor verdadeiro. Como John Green escreveu: “Você pode amar tanto alguém… Mas você nunca pode amar as pessoas tanto quanto pode sentir falta delas.” Se seu parceiro estiver ausente enquanto ainda estiver na sala com você, algo não está certo.

#2. Sua Vida Sexual Está Abandonada:

Talvez você siga os passos e espere que isso acabe. Talvez você tenha parado de fazer sexo completamente. Quando você não tem uma forte conexão pessoal ou emocional, torna-se difícil nutrir uma vida sexual plena. Em um relacionamento saudável, o sexo é divertido, atraente e profundamente íntimo. Se o seu relacionamento é feliz, mas o sexo foi deixado na estrada, não se desespere. Há muitas maneiras de se reconectar se ambos estiverem comprometidos em fazer isso.

#3. Você Sente Necessidade Frequente de Escapar:

Sua casa deve se sentir como um lugar aconchegante para chegar depois de um longo dia. Se você tem medo de passar tempo com seu parceiro, seu relacionamento provavelmente terá problemas. Muitas pessoas entram nesse padrão sem perceber. Eles colocam horas extras no trabalho e dizem a si mesmos que estão focados em sua carreira. Eles chegam ao ginásio todas as tardes e afirmam estar trabalhando em seu físico.

Eles param de planejar encontros porque preferem passar mais tempo com os amigos do que com o parceiro. Equilibrar o tempo juntos e separados pode ser saudável. No entanto, se você estiver evitando seu parceiro e propositalmente minimizando seu tempo com ela, talvez seja hora de reconsiderar seu relacionamento.

#4. Há Lutas Constantes:

Quando um casal luta apaixonadamente, é porque ambos estão profundamente envolvidos. Eles se preocupam com o relacionamento deles. Eles se preocupam com o problema. Eles estão desesperados para consertar as coisas. Quanto mais você se desconectar do seu parceiro, menos importante essas lutas começarão a parecer. Uma briga que teria feito você chorar só poderia provocar um comentário sarcástico. Paixão se torna sarcasmo. Coisas que costumavam se sentir poderosas e importantes simplesmente não valem a pena lutar.

#5. Você Continua Repetindo a Mesma Luta:

Se você tem o mesmo argumento repetidas vezes, claramente não está sendo resolvido. Simplesmente não poderia ser solucionável. Pode ser que nenhum de vocês esteja disposto a se comprometer. No entanto, provavelmente há um problema subjacente que vocês dois não estão dispostos a falar. Volte para uma discussão que parece segura, em vez de abordar um problema que assusta vocês dois. Não importa qual seja a causa, você está correndo em círculos. Eles chegaram a um beco sem saída e precisam encontrar uma saída, separadamente ou juntos.

Se o seu relacionamento chegou a um beco sem saída, você deve mudar as coisas de alguma forma. Se ambos os cônjuges estiverem envolvidos, eles podem optar por fazer terapia psicológica para que as coisas se movam novamente. Se isso não for uma opção, talvez seja hora de reunir coragem para sair por conta própria. Você já sabe que não pode viver assim para sempre.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.